Page 12 - em|FOCO GERIATRIA
P. 12

12 ENTREVISTA

Manuel                                                                               começar pelas mudanças no estilo de        rados para os desafios que resultarão
Carrageta                                                                            vida. Em particular, a restrição de sal    do crescente envelhecimento popula-
                                                                                     é muito útil porque o efeito tensional     cional nas suas diversas áreas – saú-
“SNS não está                                                                        do excesso de sal aumenta com a            de, social, educação, económica…?
preparado para                                                                       idade, fazendo com que a restrição
responder aos                                                                        de sal seja mais eficaz no idoso.          … E estamos?
desafios do                                                                          A terapêutica farmacológica deve           Embora a Política Nacional do Ido-
envelhecimento”                                                                      iniciar-se com doses mais baixas,          so assegure, em teoria, direitos que
                                                                                     que podem ir sendo aumentadas              garantem oportunidades para a pre-
Em|FOCO Geriatria | A idade é um dos       Primeiro, a HTA da bata branca é mais     lentamente. Na maior parte dos             servação da saúde física, mental,
principais factores de risco para a hi-    comum no idoso do que nos indiví-         doentes é necessário utilizar uma          espiritual e social, em condições de
pertensão arterial (HTA)?                  duos mais jovens, pelo que, quando        terapêutica combinada para se ob-          liberdade e dignidade, a realidade é
Manuel Carrageta | A idade é um factor     possível, se deve recorrer a medições     ter um controlo óptimo.                    outra… Os direitos e necessidades
de risco muito importante para a HTA,      obtidas fora do ambiente clínico (au-     Nos idosos com menos de 80 anos,           dos idosos ainda não estão plena-
a par de uma dieta excessiva em sal e      tomedição em casa ou medição auto-        os alvos terapêuticos são iguais aos       mente assegurados.
calorias, do excesso de peso e obesi-      mática ambulatória).                      dos adultos de meia-idade, ou seja,
dade, da falta de actividade física regu-  Segundo, o idoso pode ter valores ten-    <140/90 mmHg ou <130/80 mmHg               E no que concerne à saúde, concreta-
lar e do acentuado stress que hoje se      sionais falsamente elevados (pseudo-      (na diabetes mellitus, insuficiência       mente?
vive na sociedade portuguesa.              -hipertensão), devido a uma maior rigi-   renal crónica, insuficiência cardíaca      No que diz respeito à saúde do idoso,
                                           dez arterial que torna difícil a oclusão  e doença isquémica cardíaca). Nos          o Sistema Nacional de Saúde (SNS)
A HTA é mais prevalente nos idosos?        da artéria braquial pela braçadeira, o    doentes com mais de 80 anos deve-se        não está preparado para assegurar
A HTA afecta maioritariamente pes-         que pode ser ultrapassado com recur-      reduzir a pressão arterial para níveis de  adequadamente os cuidados de saú-
soas com mais de 65 anos. No idoso         so à manobra de Osler.                    sistólica de 140 a 150 mmHg e evitar       de a esta população mais vulnerável.
há dois tipos de hipertensão: a hiper-     Terceiro, o maior risco de hipotensão     descer a sistólica para valores abaixo     Prevalece ainda alguma deficiência na
tensão sisto-diastólica e a hipertensão    postural que os idosos apresentam,        de 130 e a diastólica para valores infe-   qualidade de formação em medicina
sistólica isolada (HSI), sendo esta últi-  pelo que a tensão arterial deve ser       riores a 65 mmHg.                          geriátrica e na quantidade de profissio-
ma a forma mais frequente de HTA no        sempre medida na posição sentada e                                                   nais disponíveis, bem como na estru-
idoso. A HSI é definida por uma pres-      na posição de pé. Este último proble-     Numa sociedade cada vez mais enve-         tura física e organizativa da rede para
são sistólica igual ou superior a 140      ma é muito importante, na medida em       lhecida, a prevenção continua a ser a      atender as necessidades de saúde dos
mmHg e uma pressão diastólica igual        que pode provocar iatrogenia, causan-     solução para se conseguir “acrescen-       idosos.
ou inferior a 90 mmHg.                     do nomeadamente quedas, que são           tar vida aos anos, mais do que acres-      A resultante demora no acesso e es-
                                           tão frequentes e graves nos idosos.       centar anos à vida”… O que tem sido        paçamento excessivo das consultas
Que especificidades apresenta a HTA                                                  feito ao nível da prevenção no âmbito      acaba por levar ao agravamento do
no doente idoso?                           Em termos de abordagem terapêu-           da HTA e o que falta fazer?                quadro clínico e à procura tardia e ex-
No idoso, devemos ter vários cuidados      tica, há aspectos diferenciadores a       Para além das campanhas promo-             cessiva das urgências, com interna-
especiais neste contexto da hiperten-      ter em conta no tratamento da HTA         vidas pela Fundação Portuguesa de          mentos que de outro modo poderiam
são arterial, de que destaco três no que   no idoso?                                 Cardiologia e pela Sociedade Portu-        ser evitados.
se refere ao diagnóstico.                  O tratamento da HTA no idoso deve         guesa de Hipertensão, tem havido
                                                                                     um trabalho notável dos médicos de                        Manuel Carrageta
                                                                                     família neste domínio, que se tem tra-                    é Presidente
                                                                                     duzido numa redução das mortes e                          do Instituto de
                                                                                     incapacidades por acidente vascular                       Cardiologia de
                                                                                     cerebral (AVC).                                           Almada.
                                                                                                                                               Presidente
                                                                                     Enquanto médico e presidente da                           da Fundação
                                                                                     Sociedade Portuguesa de Geriatria e                       Portuguesa de
                                                                                     Gerontologia (SPGG) quais identifica                      Cardiologia (FPC)
                                                                                     como sendo os principais desafios                         e da Sociedade
                                                                                     que os nossos idosos enfrentam, em                        Portuguesa
                                                                                     termos de saúde, actualmente?                             de Geriatria e
                                                                                     A nossa sociedade continua a                              Gerontologia
                                                                                     estigmatizar os idosos como                               (SPGG).
                                                                                     sinónimo de doença, fragilidade,
                                                                                     incapacidade e elevadas despesas
                                                                                     sociais e em saúde.
                                                                                     Os números mostram uma nova reali-
                                                                                     dade do perfil populacional: a popula-
                                                                                     ção idosa de Portugal já alcança cerca
                                                                                     de dois milhões (20% da população) e
                                                                                     a estimativa é de que nos próximos 20
                                                                                     anos essa percentagem cresça expo-
                                                                                     nencialmente. Assim, a questão que
                                                                                     devemos colocar é se estamos prepa-

JORNAL MÉDICO – em | FOCO GERIATRIA
   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16