Doentes com esclerose tuberosa dispõem de novo medicamento para travar a progressão da doença
DATA
04/04/2019 15:59:39
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS

Doentes com esclerose tuberosa dispõem de novo medicamento para travar a progressão da doença

A aprovação, pelo Infarmed, do uso do medicamento everolimus para o tratamento do astrocitoma subependimário de células gigantes (SEGA) e angiomiolipoma renal (AML) associados ao complexo da esclerose tuberosa foi recebida com entusiasmo pela Associação de Esclerose Tuberosa em Portugal (AETN).

Por favor faça login ou registe-se para aceder a este conteúdo

Preparados para o Futuro? // Preparar o Futuro
Editorial | Conceição Outeirinho
Preparados para o Futuro? // Preparar o Futuro

O início da segunda década deste século, foram anos de testagem. Prova intensa, e avassaladora aos serviços de saúde e aos seus profissionais, determinada pelo contexto pandémico. As fragilidades do sistema de saúde revelaram-se de modo mais acentuado, mas por outro lado, deu a conhecer o nível de capacidade de resposta, nomeadamente dos seus profissionais.