Displaying items by tag: Marta Temido

O grupo José de Mello Saúde (JMS) considerou hoje “insustentável” continuar a assumir integralmente os custos do tratamento no Hospital de Braga de doentes com HIV, esclerose múltipla e hepatite C.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde admitiu que vai equacionar “todas as fórmulas”, caso não haja consenso com os enfermeiros, de forma a garantir que o Serviço Nacional de Saúde não fique refém destes profissionais.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde, Marta Temido, considera que a falta de anestesistas na Urgência da Maternidade Alfredo da Costa (MAC), em Lisboa, comprova a necessidade de ter um Serviço Nacional de Saúde (SNS) com profissionais em dedicação exclusiva.

Published in Atualidade

Após a reunião com a ministra da Saúde, Marta Temido, os sindicatos dos enfermeiros informaram a imprensa que vão manter a paralisação que está prevista para o próximo mês.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde, Marta Temido, vai receber hoje os sindicatos dos enfermeiros com o objetivo de encontrar soluções e “desenvolver uma reflexão conjunta” sobre o setor, em especial sobre a profissão de enfermeiro.

Published in Atualidade

O Ministério da Saúde convidou os sindicatos dos enfermeiros para uma reunião conjunta já esta sexta-feira, dia 21 de dezembro, à margem das negociações com estes profissionais de saúde.

Published in Atualidade

O PS vai promover esta terça-feira um debate sobre a futura Lei de Bases da Saúde, no qual irão participar a ministra da Saúde, Marta Temido, e a coordenadora do grupo de trabalho nomeado pelo Governo para esta reforma, Maria de Belém Roseira.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde, Marta Temido, lamentou a morte de quatro profissionais na sequência da queda de um helicóptero do INEM e agradeceu toda a “dedicação, empenho e coragem das equipas de emergência médica ao serviço do socorro em Portugal”.

Published in Atualidade
Pág. 6 de 9
Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve
Editorial | Gil Correia
Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve

É quase esquizofrénico no mesmo mês em que se discute a carência de Médicos de Família no SNS empurrar, por decreto, os doentes que recorrem aos Serviços de Urgência (SU) hospitalares para os Centros de Saúde. A resolução do problema das urgências em Portugal passa necessariamente pelo repensar do sistema, do acesso e de formas inteligentes e eficientes de garantir os cuidados na medida e tempo de quem deles necessita. Os Cuidados de Saúde Primários têm aqui, naturalmente, um papel fundamental.