Displaying items by tag: ventiladores

Um grupo de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) revelou que desenvolveu um projeto de suporte ventilatório não invasivo que permitiu adaptar um ventilador a um sistema portátil de fácil transporte.

Published in Atualidade
segunda-feira, 22 fevereiro 2021 09:13

INEM recebe 36 ventiladores doados pelo Governo francês

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) recebeu hoje 36 ventiladores Osiris 3, doados pelo Governo francês, que podem ser utilizados no transporte de doentes críticos tanto de adultos como de crianças.

Published in Atualidade

A empresa portuguesa Sysadvance conta ter no mercado, até ao final do ano, um ventilador específico para cuidados intensivos de saúde, que está a ser desenvolvido em parceria com a Ordem dos Médicos (OM) e em colaboração com o Centro de Cirurgia Experimental Avançada, desde março.

Published in Atualidade

A ministra da Saúde afirmou hoje que os 30 ventiladores que apresentam falhas foram doados e não comprados pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS), que desde março reuniu 1.743 daqueles equipamentos, tendo comprado 946.

Published in Atualidade

O secretário da Saúde, António Lacerda Sales, afirmou que chegam hoje a Portugal 108 ventiladores e que está prevista a chegada de mais 335 equipamentos em voos sequenciais, até sábado.

Published in Atualidade

Mais de 40 profissionais de saúde portugueses, de cerca de 20 hospitais, estão a testar um equipamento de proteção individual desenvolvido a partir de máscaras de snorkeling.

Published in Atualidade
Internato centrado na grelha de avaliação curricular: defeito ou virtude?
Editorial | Denise Cunha Velho
Internato centrado na grelha de avaliação curricular: defeito ou virtude?

Sou do tempo em que, na Zona Centro, não se conhecia a grelha de avaliação curricular, do exame final da especialidade. Cada Interno fazia o melhor que sabia e podia, com os conselhos dos seus orientadores e de internos de anos anteriores. Tive a sorte de ter uma orientadora muito dinâmica e que me deu espaço para desenvolver projectos e actividades que me mantiveram motivada, mas o verdadeiro foco sempre foi o de aprender a comunicar o melhor possível com as pessoas que nos procuram e a abordar correctamente os seus problemas. Se me perguntarem se gostaria de ter sabido melhor o que se esperava que fizesse durante os meus três anos de especialidade, responderei afirmativamente, contudo acho que temos vindo a caminhar para o outro extremo.