×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 34880

O presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar considerou ontem “muito pouco” o reforço de até 90 milhões de euros nos cuidados de saúde primários previsto no OE2021, quando comparado com o que é investido em “bancos falidos”.

Published in Atualidade
A Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar [APMGF] afirmou, em comunicado enviado à imprensa, que as unidades de saúde não se encontram fechadas, contrariamente à informação que tem sido difundida.
Published in Atualidade
O presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo admitiu hoje recorrer à instalação de contentores para permitir o pleno funcionamento das extensões dos centros de saúde, que tiveram de fechar serviços devido à Covid-19.
Published in Atualidade

A direção da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) destacou hoje a “enorme capacidade de resposta” do Serviço Nacional de Saúde (SNS) no atual contexto de pandemia, sobretudo, por parte dos médicos de família e das unidades de saúde dos cuidados de saúde primários (CSP).

Published in Atualidade

Segundo a Organização Mundial de Saúde as “doenças crónicas são doenças com longa duração e, geralmente, progressão lenta”. Consideram-se doenças crónicas as doenças cardiovasculares (como o enfarte cardíaco e o acidente vascular cerebral), cancros, doenças respiratórias crónicas (como a doença pulmonar obstrutiva crónica e asma) e diabetes. Estas são as principais causas de mortalidade no mundo, representando um total de 82% das mortes prematuras e, por esse motivo, são consideradas uma ameaça para a saúde pública mundial.

Published in Opinião

Cuidados de saúde primários mais acessíveis, maior oferta de valências médicas e instalações com melhores condições são três objetivos traçados pelo Governo. Como tal, o primeiro-ministro declarou ontem, durante a inauguração da USF da Batalha, no Porto, que ao longo da legislatura será generalizado o modelo das Unidades de Saúde Familiares (USF).

Published in Atualidade

Em Portugal, a dor crónica afeta cerca de 34% dos indivíduos nos Cuidados de Saúde Primários (CSP) e, em média, o diagnóstico de dor crónica demora quatro anos após os primeiros sintomas. No que respeita à intensidade da dor, numa escala numérica de 0 a 10, a média de intensidade máxima referida pelos doentes é de 7.

Published in Atualidade

A Unidade de Saúde Familiar (USF) Nuno Grande, em Vila Real, começa a funcionar em novas instalações no próximo dia 12 de março, após um investimento de 790 mil euros em obras de recuperação de um edifício inacabado.

Published in Atualidade
Pág. 1 de 11
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Editorial | Jornal Médico
O novo normal e a nova realidade – que alterações provocadas pela pandemia vieram para ficar?
Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. Encontrar uma nova visão e adotar uma nova estratégia útil na nossa prática clínica quotidiana. Valorizar as unidades de saúde por estarem a dar as respostas adequadas e seguras é o mínimo que se exige, mas é urgente e inevitável um plano de investimento nos centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

Mais lidas