Solidão e isolamento dos idosos hoje em debate
DATA
15/06/2021 14:10:50
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



Solidão e isolamento dos idosos hoje em debate

O isolamento social é uma realidade que atinge mais de 42 mil idosos em Portugal. Para abordar esta problemática e dar voz a quem já trabalha no terreno, realiza-se, hoje, o webinar “Solidão e Isolamento dos Idosos – Presente e Futuro”. O evento é digital e gratuito e conta com a visão e experiência de vários especialistas da área social e da Psicologia em Portugal. 

Este foi o ponto de partida para a Asserbiz, empresa que coloca a tecnologia ao serviço dos eventos, ao decidir promover um fórum de debate via digital, cuja dimensão e alcance permitissem aprofundar, da forma mais abrangente possível, uma questão relevante envolvendo agentes sociais e pessoas de todo o País para uma consciência de trabalho coletivo.

De acordo com a organização, os objetivos do webinar são ver para além do olhar “a realidade no interior e em cada zona geográfica, bem como as suas consequências sociais e económicas; abordar as ações já levadas a cabo junto da população idosa; partilhar melhorias e sugestões”.  

Para Nuno Seleiro, representante da Asserbiz e coordenador da organização desta iniciativa, trata-se de “uma oportunidade para sensibilizar a comunidade para a importância do trabalho coletivo no combate a este flagelo que existe, não só em contexto rural, como também em contexto urbano”.

“Esperamos alcançar uma grande parte da população e chegar a todo o País, de forma a debatermos e transmitirmos globalmente novas estratégias e formas de atuar em situações de solidão e isolamento nos idosos”, acrescenta.  

A participação é gratuita e aberta ao público em geral. Pode inscrever-se aqui.

MGF 2020-30: Desafios e oportunidades
Editorial | Gil Correia
MGF 2020-30: Desafios e oportunidades

Em março de 2020 vivemos a ilusão de que algumas semanas de confinamento nos libertariam para um futuro sem Covid-19. No resto do ano acreditámos que em 2021 a realidade voltaria. Mas, por definição, a crise é uma mudança de paradigma. O normal mudou. Importa que a Medicina Geral e Familiar se adapte e aproveite as oportunidades criadas. A Telemedicina, a desburocratização e um ambiente de informação, amigável flexível e unificado são áreas que me parecem fulcrais na projeção da MGF no futuro.

Mais lidas