Covid-19: TEVA doa 50 mil comprimidos de hidroxicloroquina ao Ministério da Saúde Português
DATA
03/04/2020 16:32:27
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Covid-19: TEVA doa 50 mil comprimidos de hidroxicloroquina ao Ministério da Saúde Português

A TEVA Portugal fez uma doação de 50 mil comprimidos de hidroxicloroquina, ao Ministério da Saúde, para apoio no combate à pandemia do novo coronavírus. A entrega será feita hoje no Laboratório Militar.

Apesar deste medicamento não ser comercializado em Portugal pela TEVA, foram feitos todos os esforços no sentido de importar o produto de outro mercado UE e poder assim colaborar na resposta a esta pandemia.

Para dar resposta à procura urgente do medicamento, e para que seja alvo de testes relacionados com o tratamento da Covid-19, a companhia está também a reforçar todos os processos possíveis para obter maiores quantidades de produto para que possa ser usado em ensaios clínicos relevantes.

O sulfato de hidroxicloroquina, fabricada pela TEVA, está aprovado para o tratamento da malária, lúpus eritematoso e artrite reumatoide. Embora o medicamento ainda não esteja aprovado para uso no tratamento da Covid-19, a sua eficácia está atualmente a ser alvo de investigação. A companhia também está a avaliar o fornecimento global de hidroxicloroquina e cloroquina para determinar se existem oportunidades adicionais de fornecimento e acesso aos doentes.

A mudança necessária
Editorial | Jornal Médico
A mudança necessária

Os últimos meses foram vividos por todos nós num contexto absolutamente anormal e inusitado.

Atravessamos tempos difíceis, onde a nossa resistência é colocada à prova em cada dia, realidade que é ainda mais vincada no caso dos médicos e restantes profissionais de saúde. Neste âmbito, os médicos de família merecem certamente uma palavra de especial apreço e reconhecimento, dado o papel absolutamente preponderante que têm vindo a desempenhar no combate à pandemia Covid-19: a esmagadora maioria dos doentes e casos suspeitos está connosco e é seguida por nós.

Mais lidas