Medicina Interna é o centro da decisão no tratamento do doente
DATA
03/05/2019 15:07:36
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS

Medicina Interna é o centro da decisão no tratamento do doente

A Sociedade Portuguesa de Medicina Interna vai realizar o 25º Congresso Nacional de Medicina Interna de 23 a 26 de maio de 2019, no Centro de Congressos do Algarve, em Vilamoura.

Esta iniciativa, organizada em parceria com o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, terá como lema central “a Medicina Interna no centro da decisão”, uma posição que, segundo Armando Carvalho, presidente do congresso, “permitirá à nossa especialidade ter futuro e contribuir para um futuro melhor daqueles a quem servimos”.

O internista acrescenta ainda que “com o aumento da complexidade dos doentes e do progresso da medicina, a multidisciplinaridade irá ser cada vez mais decisiva na abordagem dos doentes e do seu tratamento, o que exige equipas cada vez mais diversificadas, lideradas pelos internistas que trazem consigo uma visão abrangente dos problemas”.

Com esta edição, a qual se perspetiva ter a maior participação de sempre, a organização pretende promover a discussão sobre o papel central da Medicina Interna em áreas como a decisão e gestão clínica, planificação dos cuidados de saúde, e inserção da inteligência artificial na prática hospitalar.

COVID e não-COVID: Investimentos para resolver novos e velhos problemas
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
COVID e não-COVID: Investimentos para resolver novos e velhos problemas

Acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência terminou e o estado de calamidade passou, mas o problema de saúde mantem-se ativo. É urgente encontrar uma visão inovadora e adotar uma nova estratégia. As unidades de saúde precisam de encontrar respostas adequadas e seguras.

Mais lidas