Paulo Cleto Duarte reeleito presidente da ANF
DATA
01/04/2019 11:59:02
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS


Paulo Cleto Duarte reeleito presidente da ANF

Paulo Cleto Duarte foi reeleito presidente da Associação Nacional das Farmácias (ANF) para o próximo triénio.

A lista A, encabeçada pelo atual presidente, conquistou 90,9% dos votos para a Direção, 89,2% para a Assembleia Geral, 89,4% para o Conselho Disciplinar e 89,5% para o Conselho Fiscal. Votaram 2.537 farmácias.

Fazer das farmácias a rede de cuidados de saúde mais valorizada pelos portugueses é a prioridade absoluta da Direção, que se vê mandatada pelos seus pares para renovar este desígnio até 2022. A nova Direção compromete-se a dar continuidade aos esforços de defesa das farmácias, da sua sustentabilidade e do reconhecimento como rede de cuidados de saúde de referência, indispensável ao Serviço Nacional de Saúde e a Portugal.

Uma missão de grande relevância e atualidade, pelas inúmeras ameaças à sustentabilidade da rede de farmácias e do SNS.

Paulo Cleto Duarte, farmacêutico, 46 anos, preside à ANF desde maio de 2013. Foi secretário-geral e vice-presidente da Direção da ANF.

Internato centrado na grelha de avaliação curricular: defeito ou virtude?
Editorial | Denise Cunha Velho
Internato centrado na grelha de avaliação curricular: defeito ou virtude?

Sou do tempo em que, na Zona Centro, não se conhecia a grelha de avaliação curricular, do exame final da especialidade. Cada Interno fazia o melhor que sabia e podia, com os conselhos dos seus orientadores e de internos de anos anteriores. Tive a sorte de ter uma orientadora muito dinâmica e que me deu espaço para desenvolver projectos e actividades que me mantiveram motivada, mas o verdadeiro foco sempre foi o de aprender a comunicar o melhor possível com as pessoas que nos procuram e a abordar correctamente os seus problemas. Se me perguntarem se gostaria de ter sabido melhor o que se esperava que fizesse durante os meus três anos de especialidade, responderei afirmativamente, contudo acho que temos vindo a caminhar para o outro extremo.